Small Talks: Hélio Pestana

10308363_644036999002887_681810578995112971_n

A 25 de Maio de 1985 nasceu Hélio Lopes Pestana que em 2004 entrou para a Faculdade de Arquitectura, onde congelou matrícula quando foi aceite para entrar na série “Morangos com Açucar”, começando assim a sua carreira de actor e modelo. Teve outras participações em “Dei-te quase tudo”, “Paixões Proibidas”, “ Quinto Poder”, “Podia acabar o Mundo”, “Dança Comigo, “ Jesus Cristo Superstar” e fez a dobragem para o filme “Carros”.

Contudo, houve sempre algo que ele manteve sempre para si, algo que o ia deteriorando cada vez mais, mas o que o que calava foi o que o levou a entrar no mundo do espetáculo onde pertence. O seu casting para a serie “Morangos com Açucar” foi para chamar a atenção a uma rapariga e alcançar o estatuto que ele necessitava de ter para estar com ela.

Todavia isso nunca aconteceu e quando em 2009, numa procura na internet por respostas sobre todo o tipo de coisas e como elas funcionavam, Hélio encontrou-a e declarou-se sem heistar, ao que ela respondeu “não”  também sem hesitar.

Enquanto falava com o Hélio perguntei-lhe se ele tinha contado a alguém desta sua insatisfação que ele sentia e da sua obsessão que a cada dia que passava se tornava cada vez pior, ao que ele me respondeu que não, que apenas em 2009 é que contou à família e a toda a gente que pudesse o que sentia por ela.

Em 2011 é internado no hospital, todavia apenas dois meses depois é-lhe dada alta sem ter tido o apoio necessário para ultrapassar algo que o consumia há anos, o que fez com que fosse buscar  apoio a entidades superiores para o ajudar a superar. É depois internado numa clínica em 2012 onde foi mais acompanhado e virou-se mais para a religião.

Começou a escrever poesia e já tem um livro pronto para ser publicado. Dedicou-se também a aprender a arte de ser guia espiritual e dava consultas grátis às pessoas da clínica. Ao mostrar progressos e vontade de voltar ao trabalho deram-lhe alta.

Voltou para casa da mãe e esperou até voltar a ter forças para trabalhar, contudo o facto de estar lá fê-lo perceber que queria mesmo voltar a trabalhar e esquecer o preconceito das pessoas. Para além do livro, tem um novo book e quer dedicar-se à música e neste momento anda a contactar estúdios.

Para ajuda neste projecto o Hélio precisa do vosso apoio para iniciar assim a sua carreira, portanto qualquer donativo seria uma grande ajuda.

Posso dizer que foi um gosto poder falar com o Hélio e perceber melhor o que se passou com ele e pude ver uma pessoa humana com bastante coragem para assumir em público o que passou, sendo ele a celebridade que é. É uma inspiração e não foi por ser famoso que os problemas não lhe chegaram. Insatisfeito com a vida que tinha quer fosse a nível familiar, amoroso, social, ele não baixou os braços e hoje temos um novo e melhorado Hélio Pestana que merece este apoio para ter a sua segunda oportunidade de nos mostrar, uma vez mais, o seu talento.

Agradecimentos ao Hélio Pestana pela entrevista e boa disposição.

Anúncios

Um comentário sobre “Small Talks: Hélio Pestana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s